8.10.16

O PARADOXO DA PRESENÇA!

de modo geral acredita-se que estar presente é estar concentrado em alguma ação 

ter a mente controlando o momento sem se deixar levar por outros pensamentos

não poderia imaginar alguém mais ausente ao executar esse exercício

o grande paradoxo da presença é que ela acontece quando algo em nós se ausenta

algo como controle mental

quando o controle mental se ausenta inicia-se a abertura de caminhos para os sentidos

então é preciso evitar se distrair com os sentidos para que as sensações se apresentem

não se apegue as sensações para que a percepção surja

a percepção entra em deslocamento

pouco a pouco a presença invade

entra-se no caminho da relação

possibilitado pela ausência de hábitos e crenças que levaria ao automatismo ou ao julgamento, ou ressentimento, ou planejamento, etc, etc

nessa ausência encontra-se o vazio

e todas as possibilidades se abrem

então surge o caminho, um caminho único

o caminho da criação

e nessa criação atualizada apresenta-se o presente

ha que ausentar-se de si mesmo para estar presente



jornada da presença

dias 25 e 26 de outubro

mais informações pelo email anavidaativa@gmail.com


4 comentários:

Ana Diehl disse...

Que texto lindo, Ana. :)

Ana Diehl disse...

Que texto lindo, Ana. :)

Nayara Barros disse...

Concordo totalmente, Ana. E com a quantidade de estímulos que recebemos, fica bem difícil estar presente. Falo por mim, inclusive.
Aproveito para dizer que sou fã da sua proposta, até já passei vídeo da sua entrevista na sala de aula quando trabalhava com o pessoal da licenciatura. Espero que seu caminho esteja seguindo bem.

Grande abraço!

Nayara

O mofo disse...

maravilha! to refletindo sobre esse texto. talvez uma visão diferente da que eu tinha...